null: nullpx
Coronavírus-Tasaudavel

Testes da luz e da vela mostram se sua máscara realmente está te protegendo

Publicado 15 Jun 2020 – 03:22 PM EDT | Atualizado 15 Jun 2020 – 03:22 PM EDT
Reações
Compartilhar

Usar máscaras, sejam elas cirúrgicas ou de tecido, se tornou algo essencial no combate ao contágio pela COVID-19, mas é importante lembrar que nem todas elas são realmente eficazes na prevenção ao vírus. Para saber se uma máscara protege o suficiente ou não, porém, é possível fazer dois testes bastante simples para os quais é preciso apenas uma lanterna e uma vela.

Como saber se a máscara funciona

Segundo Renata Perfeito Ribeiro, professora do Departamento de Enfermagem da Universidade Estadual de Londrina, há duas formas nada complicadas de descobrir se uma máscara protege contra o coronavírus ou não. O primeiro deles, conforme mostra um vídeo compartilhado pela universidade, consiste em apontar uma lanterna para a máscara – se for possível ver os feixes de luz do outro lado, a máscara é ineficaz.

Já o segundo teste, de acordo com a professora, é o de vestir a máscara, posicionar-se a cerca de 15 centímetros de uma vela acesa e assoprá-la; caso a vela se apague, a máscara não é suficientemente eficaz na proteção contra o vírus. O item, quando confeccionado da forma correta, não deixa a luz da lanterna passar para o outro lado e também impede que o sopro apague a vela.

No comunicado, a especialista indica máscaras feitas com duas camadas de tecido 100% algodão, mas é importante lembrar que, de acordo com as novas recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre máscaras, o mais indicado é que o item tenha três camadas, sendo a exterior feita de tecido resistente à água e a interior (em contato com o rosto) de tecido absorvente. A camada intermediária, por sua vez, pode ser feita do mesmo tecido usado na interior.

Veja a demonstração dos testes:

Máscaras contra COVID-19: informações úteis

Reações
Compartilhar

Mais conteúdo de interesse