Terapia de Ozônio: nova solução para hérnia de disco

por | set 11, 2011 | Saúde

A Terapia de Ozônio surge como nova solução para a hérnia de disco, principalmente para aqueles que sofrem com essa condição por estarem acima do peso normal, pelo sedentarismo, ou até mesmo pelo excesso de tempo sentados em frente ao computador.

Todas essas situações, isoladas ou em conjunto, podem incorrer em problemas graves na coluna, e agravadas pelo avanço da idade, fazem com que se dê o surgimento da hérnia de disco.

Quem sofre com uma hérnia também enfrenta a dor e o incômodo de situações periféricas, ou pequenos efeitos colaterais, como o formigamento nos dedos das mãos e pés, ou dor nas costas.

A hérnia ocorre pelo desgaste dos discos intervertebrados, que são pequenos anéis fibrosos, com formato circular, localizados entre cada vértebra da espinha humana. Esses anéis funcionam como amortecedores, tornando nossos movimentos suaves e silenciosos.

Por conta do envelhecimento, obesidade, entre outros fatores, esses discos perdem água ao longo do tempo, perdendo também, a sua elasticidade. Com isso, parte do disco vertebral começa a ser empurrado para fora da coluna, ocasionando a hérnia de disco.

Passa-se a ocorrer uma pressão nos nervos das proximidades, que ficam comprimidos. Esse processo causa dores horríveis, que dependendo da gravidade desta condição, se espalham para os pés, quadris e joelhos.

Até então, os tratamentos eram feitos com acupuntura e fisioterapia, sendo que nos casos mais graves, há a opção da intervenção cirurgica. Mas cirúrgia pode resultar em complicações, e até no surgimento de outra hérnia.

Nesse contexto, surge a Terapia de Ozônio como nova alternativa para a resolução do problema.

Em combinação com o oxigênio, o ozônio, que é injetado de forma pouco invasiva no organismo, age diretamente na pressão feita aos nervos, aliviando as dores e a sensação de desconforto.

Outro benefício gerado por este tratamento alternativo é a diminuição no consumo de drogas analgésicas.

Cientistas italianos e ingleses estão aprofundando os estudos para esta situação, mas para já, fica comprovado que o ozônio é efetivo como redutor da dor causada pela hérnia.

A Terapia de Ozônio, aliás, vem causando um certo furor com todas as condições que aborda como forma de tratamento. Clique aqui para saber mais