null: nullpx
ansiedade-Tasaudavel

Medo constante, insônia e mais sintomas que indicam transtorno de ansiedade

Publicado 3 Mai 2021 – 11:16 AM EDT | Atualizado 3 Mai 2021 – 11:16 AM EDT
Reações
Compartilhar

Ficar nervoso, tenso e amedrontado diante de situações extremas ou mesmo antes de eventos importantes é algo normal e natural entre os humanos. A sensação de antecipação é uma forma que o cérebro encontra de nos preparar para o que vem pela frente.

No entanto, se no dia a dia você sente com muita frequência medos exagerados e se preocupa em excesso com coisas aparentemente banais, pode estar sofrendo de transtorno de ansiedade.

Ansiedade: quando é normal e quando é doença?

O transtorno de ansiedade, segundo o Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM-V), da Associação Americana de Psiquiatria, é uma doença caracterizada por sentimentos exagerados de medo e antecipação.

A ansiedade é considerada uma patologia quando traz prejuízos à vida do paciente. Os sintomas são tão intensos que transformam atividades simples, como dormir, socializar e trabalhar, em coisas extremamente difíceis.

O profissional mais qualificado para identificar o transtorno de ansiedade é o psiquiatra, uma vez que o diagnóstico é clínico e não conta com exames. O médico irá avaliar os sintomas expostos pelo paciente e, assim, indicar o melhor tratamento

Sintomas de transtorno de ansiedade

Ao contrário do que muita gente ainda acredita, o transtorno de ansiedade não afeta apenas o emocional do paciente. A condição ainda pode provocar diversos sintomas físicos.

Entre os principais sintomas psíquicos de transtorno de ansiedade estão: medo constante, preocupação exagerada, nervosismo e dificuldade de concentração.

O paciente ainda pode apresentar descontrole dos próprios pensamentos, apreensão e sentimento de que algo ruim está prestes a acontecer, mesmo quando não há motivos óbvios ou aparentes.

Falta de ar, dor ou aperto no peito, palpitação, tontura e fadiga estão entre os sintomas físicos mais comuns do transtorno de ansiedade, que podem também ser acompanhados por diarreia e dor de barriga.

A pessoa que sofre de transtorno de ansiedade pode ainda apresentar fala exageradamente rápida, sensação de desmaio, tensão muscular, dores nas costas, além de perturbação do sono.

Tratamento de transtorno de ansiedade

O uso de medicamentos psiquiátricos, que podem ser ansiolíticos ou antidepressivos, é um dos tratamentos do transtorno de ansiedade. O médico define o tipo de remédio mais indicado para cada paciente, assim como a duração da medicação, que pode ser administrada por anos.

Fazer terapia com um psicólogo também é fundamental para tratar a ansiedade de maneira mais ampla. O aconselhamento profissional ajuda o paciente a aprender como identificar gatilhos e controlar o impulso ansioso.

A prática regular de atividades física também é benéfica no tratamento do transtorno de ansiedade, assim como orientações de dieta, já que alguns alimentos estimulantes podem piorar os quadros ansiosos. Outras técnicas, como acupuntura e meditação, também podem ser benéficas.

Transtorno de ansiedade

Reações
Compartilhar
RELACIONADO:ansiedade-Tasaudavel

Mais conteúdo de interesse