null: nullpx
aplicação do ioga-Tasaudavel

Ioga para principiantes

Publicado 30 Jun 2016 – 06:23 PM EDT | Atualizado 20 Mar 2018 – 12:57 PM EDT
Compartilhar

A prática do ioga têm vários milênios na bagagem, e ao longo da sua história tem experimentado incontáveis mudanças e variantes. Hoje em dia as variáveis de ioga são muitas, e para o inexperiente que deseja iniciar-se na prática tal vez tudo esto lhe resulte muito difícil de começar. Nada mais longe da realidade.

Assim como todas as práticas originadas a partir da filosofia oriental, o ioga tem a caraterística de ser uma disciplina versátil e adaptável para aquele que deseje praticá-la. As aulas de ioga caraterizam-se justamente pelo seu caráter inclusivo, e com alguns conselhos de ioga para principiantes você poderá se adaptar facilmente à disciplina.

Em primeiro lugar é importante encarar a aplicação do ioga como qualquer outra nova atividade: começando pelo principio. Se bem tal vez você tenha conhecido o ioga por asanas difíceis e avançadas, não são elas as que você deve começar praticando. Inicie-se nas asanas básicas, para depois ir subindo de nível e explorando novas áreas mais complexas e novos desafios.

Também é importante que você se assessore bem; uma página na internet sempre é uma boa fonte de informação, mas é incapaz de transmitir a energia própria de caga asana. Consiga uma entrevista com um bom instrutor de ioga, para que lhe explique o fundamento espiritual da disciplina, e de passo avalie-o como instrutor, pois tal vez seja uma boa ideia ter aulas com ele.

Se você tiver a oportunidade de conhecer um instrutor receptivo, planteie-lhe a necessidade de começar com asanas um pouco mais além do seu nível inicial. Com isso você poderá estar sempre desenvolvendo-se e avançando na habilidade e graciosidade do ioga sem exigir ao seu corpo.

Compartilhar

Mais conteúdo de interesse