null: nullpx
"boa forma"-Tasaudavel

Baixinhas realmente têm mais dificuldade para perder peso: médica explica relação

Publicado 2 Mai 2018 – 06:00 AM EDT | Atualizado 2 Mai 2018 – 06:00 AM EDT
Compartilhar

Pessoas mais baixas podem sentir mais dificuldade para perder peso do que pessoas altas. Longe de ser apenas uma sensação, o esforço exigido para pessoas pequenas emagrecerem pode ser explicado cientificamente.

Altura e metabolismo lento

De acordo com Craig Primack, M.D, presidente da Associação de Medicina da Obesidade, em entrevista ao site Delish, mulheres mais baixas têm metabolismo mais lento. A mulher média tem uma taxa metabólica basal (TMB) de 1.400 calorias por dia. Isso significa que, se ela ficar deitada por 24 horas, ela queimará 1.400 calorias. Já mulheres com menos de um metro e meio tem um TMB de aproximadamente 1.200 calorias.

Uma pesquisa publicada na revista médica PLOS ONE explica que o tamanho dos rins, cérebro, fígado e músculos das pessoas é responsável por 43% das diferenças entre suas taxas metabólicas basais. E, sim, o tamanho do órgão é proporcional ao tamanho e altura totais do corpo. Dessa forma, mulheres pequenas possuem órgãos vitais menores do que as mulheres mais altas, diz a nutricionista e treinadora de força Marie Spano, de modo que seu metabolismo atua mais lentamente.

Pessoas baixas queimam menos calorias

Quanto menor o seu corpo, menos energia ele precisa e menos queima. De acordo com Primack, a massa magra é a maior fonte para queima de energia em repouso, caminhando ou fazendo exercícios mais pesados. Pessoas menores têm menos massa magra distribuída no corpo.

Como acelerar o metabolismo

Compartilhar

Mais conteúdo de interesse